segunda-feira, 12 de março de 2012

Eu me sinto uma velhinha quando...


Acho surreal que as pessoas façam de seus perfis no Facebook verdadeiras colunas sociais de si mesmas. E que não deixem de fotografar e postar na rede uma pizza com os amigos sequer.

Não entendo como alguém pode ir a um show para fotografar o evento com o celular, ao invés de relaxar e ouvir o artista.

Prefiro ir a um baile da terceira idade no Sesc Vila Mariana com a Debs (outra velhinha, hahaha!!!) que a uma dessas baladas bombadinhas com música eletrônica.

Ouço palavrão em novela. Nada contra quem fala, eu não falo porque não falo mesmo, porque não tenho hábito, porque os meus pais não falavam na minha casa, não por querer levantar bandeiras, mas, confesso, acho um horror na TV.

Começo qualquer conversa ao celular perguntando se a pessoa pode falar no momento, mesmo que a interlocutora seja a minha mãe.

Acho a Audrey Hepburn, até hoje, de todas, forever, a mais elegantérrima.

Procuro responder todos os e-mails que recebo.

Não entendo as coisas que o meu irmão de 26 anos, Miguelito – O Gato, escreve nos torpedos ao celular, como “tow” ao invés de “tô”.

Penso nos outros antes de agir.

Fico horrorizada quando vejo criancinhas fazendo escândalo para conseguir o que querem dos pais na rua, na frente de todo mundo. Tudo bem que eu sou uma dinossaura, mas, no meu tempo, ai de mim se me atrevesse a fazer gracinhas do tipo...

Isabela – A Casada e A Velhinha

13 comentários:

Frô disse...

Putz, Bela, acho que sou velha também.

12 de março de 2012 04:49
Nadja G. disse...

Concordo! Eu até falo palavrao (acho que porque minha familia é o contrario da sua haha) mas também acho horrivel na novela.

Eu tenho uma série de posts sobre estar "ficando velha", inclusive uma série de posts chamada "a gente sabe que esta ficando velha quando..." hehehe

Beijos

12 de março de 2012 11:47
Carol disse...

Vixi, entonces, acho que também sou velhinha...exceto pelo palavrão, que falo muito!

Beijos

12 de março de 2012 12:34
Vera Helena disse...

Audrey Hepburn forever!!!!

Bela, entrei em crise com seu texto. Será que pensar nos outros está ultrapassado? É para refletir! Eu me dei conta que estava ficando velha quando me peguei chamando todos de menino e de menina: "Aquela menina é muito talentosa, aqueles meninos são muito bons" (detalhe, a maioria tem quase trinta anos!)

Beijos,

Vera

12 de março de 2012 12:35
Bruna Angeli disse...

Bela meu bem você é uma DIVA, estou no caminho..rs Como diria o post da Patrícia Diguê "Cansei de não ser meiga" Mas acho péssimo pirraça de criança também,xingar , bem há anos não xingava mas em momentos de estresse não tem como, celular, sempre "está podendo falar?" acho essencial.
responder todos os e-mail é muita finesse.
Arrasou no texto, como sempre!! Concordo com você!! beijãoo

12 de março de 2012 12:37
Evelin disse...

Hummmm... será que estou velha aos 24? Preferia ser a chata ou estranha hahaha

Mas concordo também com vc, vejo meus amigos/amigas postaram em tempo real onde estão e fazendo o que. Fora que fb é o mundo perfeito, de amores perfeitos, de amizades eternas, e inúmeras dicas de felicidade.

Quanto ao palavrão, odeio, não falo, ainda que criada numa família que de cada 10 palavras, 8 são palavrões.

Agora, baile da terceira idade? hahahaha Ainda não!

Beijos

Evelin

12 de março de 2012 14:04
Jú... disse...

Mas bela... eu sou mais nova que o Miguelito e as vezes nao entendo o que ele me escreve tambem... uheuheuheuheuhuehuheueuehueh
Acho que nesse aspecto voce merece um desconto =P

=)

=*

12 de março de 2012 19:29
3 x Trinta - Solteira, Casada, Divorciada disse...

Ah, Bela, vc é uma das últimas ladies deste planeta mesmo. Sorte do Guarda Belo.
Ah, acho que a maioria dos exemplos nem tem a ver com idade, mas com educação mesmo.

Beijos da Solteira

12 de março de 2012 23:58
Ana Maria disse...

Palavrão em um meio de comunicação é falta de educação e de respeito. Baile da "terceira idade"? .....Ótimas músicas para se dançar juntinho com a pessoa amada.
Pensar nos outros continua na MODA.
Bjs. prá vc.

13 de março de 2012 20:50
Anônimo disse...

Nossa, adorei o texto!
Eu, que já me acho velha a algum tempo, fico cada dia mais impressionada com o facebook. Sempre me pergunto, porque tenho isso? Ou eu realmente estou demodê ou só Freud explica...
Nunca fui de xingar muito, mas de vez em quando apareciam aquelas palavrinhas. Até que convivi tanto com amigas mães de criancinhas, naquela fase que aprendem tudo, e terminei me condicionando a parar.
Eu só não sairia da minha casinha para um baile da terceira idade..kkkkk
Adoro o blog!

16 de março de 2012 11:39
Ana disse...

Eu estou velhíssima... E acho que com o passar do tempo vou ficando menos tolerante pra esse tipo de coisa... Ai ai! Velha total! Rsrsrs

20 de março de 2012 07:56
Anônimo disse...

Belita, concordo com você que palavrão na TV é de foder, né? Putaqueospariu, fico puto quando vejo algo assim. Beijos,

Guarda Lady, o fino. ;-)

20 de março de 2012 11:06
Carol Leão disse...

O pior é que palavrão nas novelas já virou uma constante. Não sou santa, mas acho constrangedor.

20 de março de 2012 15:42