quarta-feira, 9 de novembro de 2011

A primeira lição

Eu devo ter feito uma cara bem assustada quando, no rádio do táxi, a uns 200 metros do aeroporto, ouvimos o locutor da CBN informar que todos os voos daquela manhã para Buenos Aires estavam suspensos (culpa daquele vulcão chileno cujo nome eu faço questão de não decorar. Nosso algoz espalhou suas cinzas sob o céu da Argentina e do Uruguai na ocasião). Digo isso porque, ao ver a minha reação diante da notícia, meu marido apertou forte a minha mão, me olhou nos olhos e, sem falar, tentou me tranquilizar. Ele também ficou assustado, claro, quem quer planejar, esperar, sonhar com uma lua de mel, e, aos 47 do segundo tempo, saber que a ordem é voltar para casa e esperar pela hora em que o espaço aéreo do seu destino esteja livre outra vez?


A gente não merece, mas, assim foi feito. Como me disse Guarda Belo ainda no táxi, de certa forma seria uma experiência para nós, um batismo de fogo de como, juntos, teremos que lidar com as adversidades que virão com o casamento. Nossa temporada de vinhos, carnes e dulces de leche em terras portenhas teria que ser adiada. E aí?


Mesmo decepcionados, descobrimos que o plano B imaginado por ambos era o mesmo. Ou seja, no meio da agonia, cada um, sozinho, teve a mesma ideia: transferir a honey moon para São Paulo, a nossa cidade. Usar a semana livre para ficar juntos, ver filmes, ir a exposições, almoçar e jantar fora, ir andando para o Ibirapuera, curtir a nossa casa. Não como normalmente fazemos, mas dentro do espírito de celebração da nossa recente vida de casados.


Querem saber? Foi bom demais. E romântico, e leve, e divertido, e especial. Ainda embalados pela alegria que foi a nossa festa de casamento, tiramos de letra o primeiro incidente, digamos assim, do novo estado civil. Bom saber que estávamos prontos para a empreitada.

Muito amor,

Isabela – A Casada


PS: Buenos Aires? Remarcamos tudo para breve. Oxalá agora vai dar certo, torçam por nós. Brigada!!!

11 comentários:

Andarilho disse...

Eu acho mto divertido esses programas de turismo na própria cidade. No dia a dia é tão difícil fazer essas coisas.

9 de novembro de 2011 08:35
Thalita Medeiros disse...

São apenas pequenos contratempos, Isa! Se servir de consolo, minha irmã não teve lua-de-mel (no período que era pra ter), pq a sogra infartou e ficou dias internada. Tinha tudo pra ser uma espécie de má sorte, não é? Mas hj, 2 anos depois, tem menininho chegando para completar a família... e tá todo mundo feliz!
É... casamento tem dessas surpresas mesmo!
Beijo e mais sabedoria!
Thá

9 de novembro de 2011 11:09
Anônimo disse...

O melhor disso tudo é saber que você está com uma pessoa que sabe lidar da melhor forma com contratempos e problemas. Eles acontecerão, pois fazem parte da vida.

9 de novembro de 2011 11:16
Marta Melo disse...

Maravilha Bela!Afinal o lugar é um mero detalhe para quem está bem acompanhada!Parabéns por ter tirado de letra esse contratempo!Bjs

9 de novembro de 2011 11:17
Evelin disse...

Muito bem, parabéns ao casal.

Melhor mesmo, é poder estar com quem a gente ama.

Beijos

Evelin

9 de novembro de 2011 11:19
Giselle Mota disse...

Concordo com o Andarilho, depois q estou morando fora, comecei a fazer turismo na minha cidade tb...vi o qto eh gostoso e que eu nao conhecia qse nada...rs
O mais importante, foi que lidaram bem com a situacao, procuraram o lado bom dela e aproveitaram de outra forma! Se fizessemos sempre isso qdo algo da errado, a vida seria bem mais leve ne?!
Beijos casal BELO :)

9 de novembro de 2011 11:37
Anônimo disse...

Gostei, dona Bela. Mas estou mesmo precisando de uma lua de mel. SP voltou ao normal, ou seja, tentar me matar. ;-) help me!!!
Beijos, Guarda Belo

9 de novembro de 2011 13:56
3 x Trinta - Solteira, Casada, Divorciada disse...

Ah, muito lindo. A gente precisa aprender a valorizar mesmo o lugar que vivemos. E que bom que vcs transformaram o imprevisto em dias lindos em vez de torná-lo uma crise.

Bjs da Solteira

9 de novembro de 2011 13:58
Ácidas e Doces disse...

Belíssima, por aqui vejo vários casais que começam a namorar e decidem conhecer a cidade que moramos. é um outro olhar. lindo!
beijo
kézia

9 de novembro de 2011 15:54
Diu Mota disse...

Hão de ser momentos felizes!

9 de novembro de 2011 23:11
日月神教-任我行 disse...

ssd固態硬碟 外接式硬碟 餐飲設備 製冰機 洗碗機 咖啡機 冷凍冷藏冰箱 蒸烤箱 External Storage Solid State Drives 關島機加酒 關島婚禮 關島蜜月 花蓮民宿 彈簧床 床墊 獨立筒床墊 乳膠床墊 床墊工廠 巴里島旅遊 巴里島spa推薦 巴里島機票 巴里島行程推薦 記憶體 情趣用品 情趣用品USB Flash DrivesMemory Cards 產後護理之家 月子中心 坐月子中心 坐月子 月子餐 投資美國物業 美國租金報酬 美國房屋買賣 房地產投資說明會 美國房地產 美國置產須知 美國房屋物件 SD記憶卡 隨身碟 高雄當舖 高雄汽車借款 高雄機車借款 高雄房屋二胎貸款 高雄汽機車免留車

17 de junho de 2015 23:00