sexta-feira, 22 de maio de 2009

O cabra de peia e a piniqueira


Raparigueiro, cabra de peia, fio de uma gota. Mas pode chamar de cabra safado também. Rapariga, kenga, piniqueira. Não são palavras ótimas? Pois é assim que a gente se refere, lá no Nordeste, a parceiros que, bem, não andam muito na linha. Melhor ainda se forem ex-parceiros. Me lembrei delas ontem, lendo um comentário da Verônica, nossa leitora super fofa que mora em Petrolina (adooooooooro), sertão de Pernambuco.


Alagoana que já morou em Maceió e Recife antes de aportar em São Paulo, sei que cada pedacinho do Brasil é um mundo à parte. Agora, me digam, vocês já ouviram expressões melhores do que essas para xingar um ex (ou uma ex) mala? Melhor que isso, só aquele apelido venenoso (e perfeito) que você inventou para ele ou para ela. O mesmo que já te fez morrer de rir, tantas vezes, das bizarrices da vida com os seus amigos.


Portanto, se ainda não fez você também uma homenagem à altura do seu ou da sua ex, vai de cabra de peia e piniqueira que tá bom demais, hahaha!!!


Beijos, Verônica. Aproveite Petrolina por mim.


Isabela - A Divorciada

20 comentários:

Andarilho disse...

Mais da metade desses 'elogios' eu não conhecia.

Tirando o 'cabra safado', que vira e mexe a gente vê em novelas ou filmes, os únicos que eu conhecia eram kenga e rapariga.

22 de maio de 2009 07:55
Verônica disse...

Eita que essa Bela é retada!!!Adorei o post! hahaha!!!

São tantas expressões que a gente só aprende quando chega em uma determinada região, aqui em Petrolina ficar com raiva é "pegar ar" quem falta com um compromisso é "fuleiro" malandro é "mala". Enfim, expressões que quando morava na Bahia tinham outro significado. São vários dialetos; o baianês, o pernambuquês, e assim vai... O Brasil é realmente fascinante! Obrigada pelo carinho! Beijos!!

22 de maio de 2009 09:56
Beta disse...

xiliquenta?!(meu ex)
panin de pia/ neandertal/ metralha sem banho/ miguxo/emo (um rolo xulé que tive na vida)

se tem uma coisa que eu sou boa é inventar apelido...ainda mais pejorativo pros chicletes que aparecem na minha vida...

hahaha

bonito foi o Maria Mijona Vomitadeira, para ex do meu rolo que teve a falta de dignidade de reaparecer esses dias querendo ser minha amiga...meee gueeento!!

na minha terra, essas moças finas foram apelidadas por "honestas" por alguns amigos... HAUHEUAHEUAHUEA


Beijos Amores

22 de maio de 2009 10:24
3 x Trinta - Solteira, Casada, Divorciada disse...

Verônica,

eu conheci Petrolina em 2005, quando fui fazer uma matéria sobre uns portugueses que estavam produzindo vinho na região. Foi uma das viagens a trabalho mais gostosas da minha vida! Passava o dia cantarolando "O Ciúme"...quero muito voltar! Podemos ir aí fazer-lhe uma visita? rs

Sobre xingamentos, lá em Conchas é mais ou menos assim: "Lazarento, fio duma égua!"

E quando eu era "jovem", minhas primas só usavam o termo "biscate" para as periguetes de plantão, haha.

E Bela, você esqueceu de dizer o quão criativa vc mesma é com esse lance de apelidos...ou já se esqueceu do "Sultana canalha" que você inventou para aquela chica mucho loca! haha

beijossss e BOM DIAAAAA!!!!

Deb :-P

22 de maio de 2009 10:57
Dri Viaro disse...

Bela adorei, vou chamar a ex do meu marido de piniqueira vale? kkkk


bjssss

22 de maio de 2009 11:15
Camille Mollona disse...

To cagando e andando pra aquele chinelão!

Ta cheio de guris de lambe os beiço por aqui, tche!

Final de semana tri legal pra ti!

Beijos

22 de maio de 2009 11:17
lioness disse...

Amei! E acho que cabem bem na pessoa em questão. Nunca tinha ouvido falar antes, mas servem como uma luva!

22 de maio de 2009 11:36
Verônica disse...

Deb, vocês DEVEM vir me fazer uma visita, terei a maior honra em recepcioná-las e serei a melhor guia que vocês poderiam ter, rsrsrs! Prometo levá-las a lugares incríveis.

O vale do São Francico tornou-se uma mistura de povos. Italianos, portugueses e principalmente japoneses, intalaram-se por aqui, bom pro vale, bom pro país. rsrs

Essa música de Caetano Veloso é lindissíma, outra muito bonita é de um compositor chamado Jorge de Altinho o nome da música é "Petrolina Juazeiro" tem um trechinho assim: "Pra não morrer de saudade vou voltar pra Petrolina" é linda!!! Toda vez q viajo eu me lembro desse trecho e fico cantando!

22 de maio de 2009 12:53
Dione disse...

Adorei os apelidos... kkkk
Ex mala merece, e como merece, né, não?
Adoro!!!!!

Beijão, meninas e bom findi, tá?
Adorei isso aqui...rs...

22 de maio de 2009 15:47
Dona Pimenta disse...

Eu uso a expressão "Mofo", o ex mofou, embolorou, não serve pra mais nada, afinal, vc não come um pedaçõ de pão mofado certo? Se um pedaço de pão que teve tanta gente envolvida pra faze-lo, veio do trigo ou do centeio ou seja lá que bendito grão for vc não se dá ao trabalho de comer, porque iria perder tempo um filho de uma égua que mofou??? Eu hein??
Bjs gurias...adoro o blog de vcs.
Já fui solteira, já fui casada, já fui divorciada e hj sou casada de novo e amei cada um dos meus estados civis...hahahahahhaha
Dona Pimenta

22 de maio de 2009 17:38
Johnny na Babilônia disse...

hehehehe. Ótimo post.

Eu, como baiano, já sofri aqui em Sao Paulo pra tentar explicar que "mala" não é um cara chato, mas sim um "malandro" como bem disse a Verônica.

Tem também várias outras lá na nossa terra como: "resenha" que não quer dizer resumo, mas sim um caso engraçado.

Pra mulher, além do famoso "piriguete", conheço também "rasgadeira"; "rapariga" e suas variações como "rapariga azeda". E quando a mulher não é "flor que se cheire", daquelas que vc tem medo de apresentar até pra aquele seu amigo mais canalha do mundo, falamos que ela é "mansa".

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Pros homens, além dos já citados "cabra safado", "cabra de peia", tem também: "descarado"; "caçador"; "raparigueiro"; "pirigueteiro", etc.etc.

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Deixa eu acabar com essa conversa. COmo diríamos lá: "deixe de ousadia, visse?"

kkkkk

bjos!

23 de maio de 2009 10:44
Johnny na Babilônia disse...

Não resisto. Tenho que voltar! kkkk

Esse post me fez lembrar de vários outros vocativos.

Quando a mulher tá gorda falamos que ela tá com "bucho de rapariga prenha".

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Mas a melhor de todas, sem dúvida, é o tal do "se perdeu".

Eu tinha uma namorada que era de Juazeiro (aliás, sabe qual é a melhor coisa de Juazeiro? A vista pra Petrolina.... - kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk), um dia qualquer tomando café-da-manhã com a mãe dela, a sogrona me lança a seguinte pérola:

- Johnny, lembra de fulana, filha de beltrana?
- Sim. Q q tem ela?

- Tadinha....se perdeu....

- É o que, mulher? Se perdeu? Onde?

- Se perdeu, moço....se perdeu....

- Se perdeu aonde, minha sogra? No mato? Na cidade grande?

- Não, filho de Deus! Se PERDEU!!!! Perdeu a inocência...antes de casar! Entendeu?

- Ahhhhnnn....Se perdeu, foi....?? Acho que ela fez foi "se achar"!

- Maaarrr minino, tu é "ousado" mesmo...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

23 de maio de 2009 10:50
mulherpolvo disse...

A adolescente que me roubou o primeiro marido quando eu estava esperando a 2° filha eu chamava de "feladaputa", simplesmente.
Ex-maridos e ex-namorados eu nunca apelidei. Simplesmente esqueci os nomes e as mágoas, pro meu prórpio bem.
Quem está ganhando os nomes mais bizarros é a minha última empregada.
Aquela "comedora de merda de doente".
Ô mulerzinha porca e enrolona dos diabos!!!!

23 de maio de 2009 20:44
Lúcia disse...

oiii
minha primeira vez por aqui, vim através da Lioness.
Amei 'piniqueira', realmente não tem coisa pior, hahahaha.
Bjins

23 de maio de 2009 20:47
Cris disse...

Olá meninas,
Sou jornalista, nordestina, tenho 30 e poucos e virei fã incondicional desse blog.
Dei muita risada com esses xingamentos regionais.
Beijos.

24 de maio de 2009 07:59
Clévia disse...

Já quero meu espaço, p mandar ver!

Aí, vai: Príncipe!

Ficaram chocados? Pois olha, eu me divirto taaaaaanto com isso!!! Hahaha

Bj

24 de maio de 2009 09:56
Anônimo disse...

Bom, já vou explicando antes q alguém questione.

Gosto de usar a ironia fina! Isso me deixa tããão superior!

Mas existe um legal aqui no CE. Doida dos Qçuiks, p usar com a atual do ex - nessa parte, eu preferiro n homenagea-la, pq é nada x nada p mim!

(Qçukis é um suquinho em pó bem vagabundo)

Nem sei se é assim q se escreve Qçukis. Mas a intenção é ofender!

Bj

24 de maio de 2009 10:06
Clévia disse...

Eu fiquei tão empolgada com esse post... Q comentei sem querer anônimo, repeti o comentario, comentei (nada a ver) no outro post... Enfim... Adooro esses assuntos!

Bom, qto ao Quiçuki (singular), creio q era uma marca. Não sei! Já morri de procurar, e anda!

N resisto. Outra sugestão de apelido p ela: catiroba!!!

Bj

25 de maio de 2009 13:05
Pollyanna disse...

Sou nordestina do Ceará,aqui a gente bota apelido em tudo;gente q não presta,gente marmotosa,gente q a gente guarda no coração,etc.
Agora,meu apelido preferido pra ex é 'estrupício'!
Vade retrum,seu filho de uma .....
kkkkkkkkkkkkkkk
Bjooo

15 de junho de 2009 15:59
日月神教-任我行 disse...

ssd固態硬碟 外接式硬碟 餐飲設備 製冰機 洗碗機 咖啡機 冷凍冷藏冰箱 蒸烤箱 External Storage Solid State Drives 關島機加酒 關島婚禮 關島蜜月 花蓮民宿 彈簧床 床墊 獨立筒床墊 乳膠床墊 床墊工廠 巴里島旅遊 巴里島spa推薦 巴里島機票 巴里島行程推薦 記憶體 情趣用品 情趣用品USB Flash DrivesMemory Cards 產後護理之家 月子中心 坐月子中心 坐月子 月子餐 投資美國物業 美國租金報酬 美國房屋買賣 房地產投資說明會 美國房地產 美國置產須知 美國房屋物件 SD記憶卡 隨身碟 高雄當舖 高雄汽車借款 高雄機車借款 高雄房屋二胎貸款 高雄汽機車免留車

17 de junho de 2015 22:51