sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

No café da manhã

- Ele é incrível, mas estranho...

- Estranho como?

- Sei lá, diferente...esquisito seria a definição.

- Todo mundo é esquisito! Em alguma coisa é...

- Mas ele é mais esquisito que a média, porque não faz o que a média faz, entende?

- Tipo o quê?

- Ah, beber, torcer loucamente para um time, ver novela e passar um domingo num churrasco...essas coisas de homem-padrão.

- Te entendo...mas sabe de uma coisa?

- O quê?

- A gente também é muito chata, né? Fica a vida inteira esperando alguém especial e quando alguém especial aparece, ele parece estranho.

- É verdade (risos), pensando por aí, tem razão. E, no final das contas, não é nada disso que importa, né?

- Não mesmo! E, se bobear, estranho mesmo é quem aceita viver na média.

Débora - A Separada

9 comentários:

Andarilho disse...

Se o cara bebe, torce loucamente por um time, e fica num churrasco no domingo, a mulher reclama: prefere os amigos, não dá atenção pra ela, etc... E se ele não faz isso, ela reclama que ele é esquisito...

E homens que são complicados, né? ;)

17 de dezembro de 2010 08:39
Ácidas e Doces disse...

Oi Débora
Vai entender mulher? Se o cara bebe, tá ruim. Se não bebe, tá ruim também. Se deixa a gente sozinha no domingo pra ir ao churrasco, reclama. Se nega o convite do churrasco, desconfia.
Vai entender?
Beijo
Kézia

17 de dezembro de 2010 09:04
O Divã Dellas disse...

Tem mais homens esquisitos entre o céu e a terra, do que julga a nossa vã filosofia.

Hahaha

Deb, o que vc chama de esquisito eu chamo de ideal. Aproveita, boba!

Beijos!

Verônica

17 de dezembro de 2010 09:27
Fernanda Gomes de Sá Paulo Poli disse...

Ideal é questão de opinião...Eu bebo (socialmente, é claro rss), torço loucamente por um time de futebol e adoro ficar em churrascos aos domingos...Esse cara do post jamais me aguentaria rsss...

17 de dezembro de 2010 14:37
Patricia Digue disse...

A gente pede amor e ele vem, só não vem com manual de instrução né? Se joga... rs

Bjs da Solteira

17 de dezembro de 2010 14:52
Jeff Prestes disse...

Andarilho, disse tudo. Nada a acrescentar.

17 de dezembro de 2010 16:01
Anônimo disse...

Então,de perto ninguém é normal mesmo, né?

kkkkkkk


Beijos

Geo

17 de dezembro de 2010 16:54
Vera Helena disse...
Este comentário foi removido pelo autor. 18 de dezembro de 2010 10:42
Vera Helena disse...

Sim, estranho - e chato! - é querer viver na média.

Um abraço (adorei o diálogo, adoro diálogos bem construídos e, ao mesmo tempo, naturais, que não soam falsos. Tão difícil!)



Vera

18 de dezembro de 2010 11:03