segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

Sexo: a oitava prioridade da mulherada

Eu estava curiosíssima para ler a matéria de capa da Época desta semana - "Amor e Sexo por toda vida" - quando entrei no site da revista e dei de cara com a coluna da Ruth de Aquino com o seguinte título: "O valor do sexo para eles e para elas".

Diz ela que segundo uma pesquisa feita pela USP, o sexo é a oitava prioridade na vida das brasileiras. Só ganha de “exercícios regulares” e “férias regulares”. Já para os homens, é a terceira (achei que era a segunda!). Como diz a Ruth, que existem diferenças entre o desejo sexual dos homens e das mulheres todo mundo sabe, mas...oitava prioridade? Ruth questiona se a razão disso é a falta de homem ou de imaginação. Eu não sei não. Acho que nem uma coisa nem outra. Acho que ainda rola um medo muito grande de admitir para nós mesmas - e em uma pesquisa - que sim, gostamos de sexo!!! A-do-ra-mos! Pre-ci-sa-mos! Duvido que seja a oitava. Mas deixamos lá pelo último lugar do ranking apenas para não nos sentirmos assim frívolas, vazias, vagabundas. Como se o sexo fosse sinônimo de tudo isso.

Leia a coluna de Ruth de Aquino aqui e dê sua opinião.

Já sobre a matéria de capa, vou ter que comprar a revista para entender porque, afinal, alguns relacionamentos duram para sempre - coisa que eu ainda pago para ver. No site tem um resumo bobo que não diz nada :-(

beijos e ótima semana!

A Casada

7 comentários:

Anônimo disse...

Caramba! Eu realmente não respondi essa pesquisa! Oitavo lugar? Só pode ser piada, né?
Ou vai ver eu sou uma tarada... rsrsrs

Bom, eu continuo rezando...

Bjkas!

12 de janeiro de 2009 11:18
Anônimo disse...

Bem, acho que a pesquisa tem sua razão de ser. Primeiro, por talvez ter se respaldado em outro pesquisa realizada também na USP, em que os pesquisadores constataram que a maioria das universitárias não atingiam o orgasmo. Segundo, porque numa época de tanto corre-corre como a nossa, falar que gosta de sexo é dizer que é vadia, vagabunda, etc. Certamente, que pra pessoas que tem um "microfone" no lugar da fala, o que menos importa são os pormenores que a sociedade determina, vide a falecida "imortal" Dercy. Como a maioria dos outros reles mortais ainda tem uma fala mais precavida, creio que esses dados dificilmente mudarão. Mas quem se importa? Na hora H, a última das lembranças vai ser aquele pesquisa feita nos tempos da recessão brasileira...
E viva a sinceridade!

12 de janeiro de 2009 13:52
3 x Trinta - Solteira, Casada, Divorciada disse...

Oi Baby,

Eu tb não fui consultada para essa pesquisa, hahaha!!!

Concordo com vc: para muitas de nós, ainda é complicado assumir, com todas as letras, que sexo é bom e a gente gosta.

Beijos,

A Divorciada

12 de janeiro de 2009 18:46
mulherpolvo disse...

Na minha vida, ocupa o terceiro (filhas e trabalho), adoro e preciso...rsrsr
Mas os homens esão tão assim assim...
Acho que alguns casais duram para sempre pq sabem se renovar, tornando-se amigos, algo assim, e esquecendo do desejo, da novidade, do sonho.

13 de janeiro de 2009 13:25
Mami disse...

Sabem, acho que o que passa é que como a qualidade do sexo que a maioria das mulheres tem em casa é ruim, muito ruim ou péssimo, isto termina como sendo algo a ser "evitado"...
É uma opinião estritamente pessoal porque me passou quando eu era casada. Depois que encontrei uma pessoa que me satisfaz 100% na cama, sexo é prioridade n° 2 (dormir bem é a n°1) e passou a ocupar uma grande parte dos meus pensamentos no meu dia-a-dia.
Abraços a vocês e parabéns pelo excelente blog!

14 de janeiro de 2009 17:45
Fabíola Melo disse...

Hello Angels!!!

Indo na contramão do texto, o que vocês acreditam ser a razão de mulher mal amada?

Acreditam que é devido somente à falta de um macho reprodutor (rsrsr) ?

Ou à falta de amor próprio também???

Fica a pergunta

Bjo

14 de janeiro de 2009 21:18
cleidy disse...

Eu não participei desta pesquisa...com certeza!!!!!Não vou dizer que sexo esteja em primeiro lugar, talvez em terceiro.Considero a saúde em primeiro lugar e o amor em segundo, mas oitavo é um puco demais, né? Sexo faz bem prá pele, pro humor, pro fígado !!!Faz a vida ficar melhor, mais leve, mais colorida! É claro que tem que ser feito com alguém que seja do bem e que entenda do negócio !Pelo menos três vezes por semana, demorado , rpapido, enfim que agrade aos dois e complemente a felicidade.Chega de mulher mal-resolvida e mal-amada, né? Beijaço(coisa de gaúcho, hahaha).

28 de janeiro de 2009 15:43