quarta-feira, 27 de abril de 2011

Amsterdã é aqui



Tudo bem que tem muitos lugares neste Brasilzão que estão mais para o Haiti. Mas um passeio no último domingo me fez me sentir mais em Amsterdã (capital mundial das bicicletas) do que em um grotão da América Central. E me trouxe otimismo em relação à capacidade dos seres humanos de inventar soluções para o nó que se tornaram as grandes cidades. Havia muito tempo planejava experimentar a ciclofaixa de 30 quilômetros criada pela Prefeitura de São Paulo (http://www.ciclofaixa.com.br/ ), que liga quatro parques, e finalmente consegui. Pedalei com um sorriso no rosto e voltei de alma lavada para casa, não só pelo prazer da atividade física, mas principalmente por constatar o sucesso de um grande projeto.


Alternativa à deficiência de ciclovias na cidade, a ciclofaixa é super bem sinalizada e passa por lugares agradabilíssimos, como os parques das Bicicletas, o Ibirapuera, o do Povo e o Villa Lobos. Surpreendi-me com a obediência às regras de trânsito e mãos de direção por parte dos ciclistas e com o bom humor de todos os apoiadores pelo percurso. Eles ficam nos semáforos cuidando para que ninguém passe no sinal vermelho e fazem questão de dizer aquelas frases tão simples e essenciais no dia a dia de uma sociedade civilizada (“bom dia”, “bom passeio”, “boa Páscoa”, “bom descanso”, “força”, “tchau” etc). Sem falar na sensação de passar de bicicleta em vias usualmente perigosas e ainda podendo apreciar a paisagem paulista. A gente se sente seguro atrás daqueles cones e pode se dar ao direito de se distrair com uma árvore florida ou uma característica arquitetônica. Ver famílias inteiras e crianças sorridentes com suas bicicletinhas naquelas avenidas onde quem mandam são os carros foi extremamente gratificante.


Sei que a cidade não se tornou completamente segura para os ciclistas só por causa desta iniciativa. Posso dizer com conhecimento de causa o quão perigoso é sair pelo meio do trânsito de bike. Mas recomendo esta opção saudável de lazer e convido os que estão desesperançados com a cidade a recuperar a confiança por lá. Assino embaixo para que o serviço funcione em um horário mais prolongado e também nos feriados, como aconteceu experimentalmente no feriado de Tiradentes (hoje, é só aos domingos, das 7 às 14h). Por uma São Paulo cada vez mais cheia de ciclofaixas, ciclovias, parques e, consequentemente, gente mais saudável e feliz.

Patrícia - A Solteira

5 comentários:

@luallessi disse...

confesso que vejo tanta barbaridade e falta de respeito no trânsito que eu adoraria poder dizer que 'Surpreendi-me com a obediência às regras de trânsito' ... coisa que parece simples, afinal são regras (muitas não leis) e o povo tem um pouco caso ao volante...

Mas falando de bicicletas: eu quase não ando de bicicleta, onde moro então, que é um lugar pequeno, dá pra ir a pé...Mas bicicleta, claro, não é só necessidade: é ótimos pra oxigenar o sangue, desestressar, contribui com a melhoria do ar, deixa pernas (e bunda) durinhas...E para quem tem oportunidade de ir para o emprego ou escola pedalando, faz uma sobra no orçamento no fim do mês.
Muitas cidades tem feito ciclovias, embora ainda sejam poucas, e infelizmente nem sempre respeitadas. Lembro da ciclovia anos atrás no Rio de Janeiro. Era um tal do povo achar que era pista para caminhada. E se a gente pedia pra caminharem no calçadão o povo ficava bravo... Não sei como está hoje em dia, mas está aí um meio de transporte e lazer que deve ser incentivado...

27 de abril de 2011 01:11
Olívia disse...

Ahhh que legal Patyyy...
Adorei a PUBLICIDADE hahahah

Essa faixa é fantástica mesmo... andei um terço, mas já deu pra sentir a delícia que é!

Também assino embaixo sobre os horários... já pensou ter em mais vias no horário de pico??? Vamos trabalhar de BIKEEE

Adorei mesmo... VAMOS DIVULGAR

(já espalhei aqui na empresa sobre o post de hoje)

.Olívia.

Bradesco Seguros - É melhor ter

AHHHAHAHAHAHAHAHAHAHA

27 de abril de 2011 09:01
Cilo Roberto disse...

oi Patrícia,
sou suspeito para falar sobre essa alegria, andar de bicicleta é uma das coisas que mais gosto de fazer, pena que aqui em Maceió só temos a orla....

Uso esse momento para pensar na vida, ouvir música e relaxa, consigo desplugar de vez... e fazer isso para mim é muito importante.

houve um tempo em que ia trabalhar de bike... quase 1 ano...

espero que essa tendencia pegue em todas as cidades, o meio ambiente agradece.

beijão grande

Cilo

27 de abril de 2011 11:57
3 x Trinta - Solteira, Casada, Divorciada disse...

Próxima vez me chama que eu vou!!!
=D
bitoca
deb

27 de abril de 2011 20:29
日月神教-任我行 disse...

生鮮宅配 ssd固態硬碟 外接式硬碟 餐飲設備 製冰機 洗碗機 咖啡機 冷凍冷藏冰箱 蒸烤箱 關島機加酒 關島婚禮 關島蜜月 花蓮民宿 彈簧床 床墊 獨立筒床墊 乳膠床墊 床墊工廠 巴里島旅遊 巴里島spa推薦 巴里島機票 巴里島行程推薦 記憶體 產後護理之家 月子中心 坐月子中心 坐月子 月子餐 投資美國物業 美國租金報酬 美國房屋買賣 房地產投資說明會 美國房地產 美國置產須知 美國房屋物件 SD記憶卡

17 de junho de 2015 06:04