terça-feira, 25 de agosto de 2009

Mandou bem, Deborah Secco


Taí uma prova de que a gente sempre pode aprender alguma coisa lendo. Em entrevista à coluna Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, no último domingo, sobre o fato de que vai interpretar a ex-garota de programa Bruna Surfistinha no cinema, a atriz Deborah Secco deu uma declaração que me chamou a atenção na hora:


“Tem uma frase no filme que traduz exatamente o meu não arrependimento: só sendo o que eu fui, hoje posso ser quem eu sou”.


Mandou bem, Deborah. Eu também acho que a gente fica melhor a partir da soma das experiências boas e ruins que já teve na vida.


Isabela – A Divorciada

11 comentários:

O Carioca disse...

A frase já não diz muita coisa. Tipico da Raquel. Diz menos ainda, vindo da Deborah Secco.

[]s
O Carioca

25 de agosto de 2009 14:13
Andarilho disse...

Eu concordo com a frase, a gente é o que viveu. Mas nem sempre a gente fica melhor, às vezes infelizmente piora.

Triste, mas verdade.

25 de agosto de 2009 14:48
Anônimo disse...

Tá, tá, sei que mereci isso, dona moça. Obrigado por me lembrar.

Beijos,

Guarda Belo

25 de agosto de 2009 15:26
Anônimo disse...

Oi gurias achei hoje o blog de vocês e achei muito legal.
Completei meus 30 aninhos, sou divorciada, mas isso foi ha tantos anos atras e eu era tão novinha na acasião que nunca me senti casada ou divorciada, me sinto solteira, rs.

Com relação a frase é bem isso mesmo, não somos nossas experiencias passadas, mas elas certamente nos ajudaram a ser o que somos hoje, se é que me entendem, rss.

Bjos da nova leitora.

Lais

25 de agosto de 2009 18:20
Déia disse...

Boa frase! Porém... existe uma coisa chamada massa cinzenta dentro de nossa cabeça...que nos difere dos bichos.. logo, não precisamos passar por algo ruim, para ter noção do que é bom !

Podemos prever algumas situações, imaginar alguns fatos, tomar algumas decisões, utilizando nossa aprendizagem, caráter, experiência de vida e capacidade de adaptação...

Eu não preciso enfiar a faca no peito pra imaginar que seja uma dor enorme e que eu corro risco de vida! rs

Mas, tudo bem...Tem gente que necessita do concreto pra aceitar ou modificar a realidade!

bj

25 de agosto de 2009 23:46
Márcia Albuquerque disse...

Gostei da frase! as vezes passar por momentos difíceis nos fazem crescer. Não quer dizer que isso seja obrigatório; sofrer depois crescer, mas se acontecer, que seja um momento de aprendizado.

26 de agosto de 2009 08:35
OMAR HAIKAL disse...

VINDO DA RAQUEL NÃO SIGNIFICA MUITA COISA NÃO... É MELHOR ELA PENSAR QUEM EH HOJE, O PASSADO A CONDENA!
ACHO QUE DEVEMOS VIVER EH O PRESENTE, USAR O QUE APRENDEMOS COM A VIDA, MAS DO PASSADO, TRAZER APENAS BOAS LEMBRANÇAS!

26 de agosto de 2009 10:10
OMAR HAIKAL disse...

VINDO DA RAQUEL NÃO SIGNIFICA MUITA COISA NÃO... É MELHOR ELA PENSAR QUEM EH HOJE, O PASSADO A CONDENA!
ACHO QUE DEVEMOS VIVER EH O PRESENTE, USAR O QUE APRENDEMOS COM A VIDA, MAS DO PASSADO, TRAZER APENAS BOAS LEMBRANÇAS!

26 de agosto de 2009 10:10
Camille Mollona disse...

Oi gurias, saudades de escrever no blog!!!!

Com certeza tudo q fizemos acrescenta em alguma coisa na nossa vida...e isso "quase" sempre nos faz crescer!!!

Grande beijo!

26 de agosto de 2009 17:12
Melanie Brown disse...

Mandou bem!

:)

27 de agosto de 2009 08:32
conversaatrevida disse...

Um filósofo DAQUELES que a gente não lembra o nome disse: 'Sou eu e minhas circunstâncias'.

Verdade...

Mas também 'parecemos' ser muito do que as pessoas 'refletem' em nós. A maioria do que falam sobre nós é apenas 'impressão pessoal' de quem fala...E impressão pessoal nem sempre reflete a verdade VERDADEIRA de alguém.
Capicce?

bjo

Atrê

28 de agosto de 2009 11:49