segunda-feira, 21 de março de 2011

Você não está tão afim dele

Quando enrola para sair com ele a primeira vez
Quando dá uns perdidos para não vê-lo de novo
Quando acha tudo o que ele diz ridículo
Quando se incomoda com a presença dele
Quando perde a vontade de transar (sempre)
Quando não o inclui nos seus projetos de longo prazo
Quando o ridiculariza na frente dos outros (mas isso é falta de educação mesmo)
Quando recebe flores dele e nem fica tão feliz assim
Quando inventa trabalho extra para não chegar em casa logo
Quando arranja um amante atrás do outro
Quando foge dos eventos da família dele
Quando...

Por mais que a gente diga que não, muitas vezes acabamos fazendo as mesmas coisas que criticamos neles. Como sou contra relacionamentos infelizes, lanço aqui a campanha:

Não tá afim? Termina!

Mais vale um coração disponível que tristonho.

Débora – A Separada

11 comentários:

Andarilho disse...

É isso ai, melhor acabar logo que ficar enrolando.

21 de março de 2011 09:53
Mirys disse...

Debora:

Foi curta e grossa, agora, heim amiga? kkkkkk

Acabou sendo uma dica pra mim, que estou enrolando um mocinho que tem me ligado... Valeu!

Bjos.
Mirys
www.diariodos3mosqueteiros.blogspot.com

21 de março de 2011 10:13
Juju Balangandan disse...

Meu irmão sempre diz que para treinar qualquer bola serve. Mas para quem está acostumado com bola oficial, melhor esquecer a bola de meia. Beijocas bela!

21 de março de 2011 10:35
Patricia Digue disse...

Não dá mesmo pra disfarçar amor. Não sei como tem gente que ainda tenta. E como tem gente que ainda finge que acredita.
Adesão total à campanha "coração livre".

Bjs da Solteira

21 de março de 2011 16:35
O Divã Dellas disse...

EXATO!

E, no meu caso, nem preciso fazer tudo isso aí pra ele perceber que num tô empolgada... Minha cara já diz tudo!!!

Beijos,

Cinthya

http://odivaadellas.blogspot.com

21 de março de 2011 16:39
Bruna Angeli disse...

Não sei disfarçar quando alguma coisa não está agradando, seja quem for, imagina fingir pra tentar agradar.. Comigo não rola...
Sou tãoo, tão assim que uma vez na época do colégio meu Amigo X me deu um presente péssimo, não soube disfarçar, a professora me chamou num canto morrendo de rir e disse: " meu medo era vc deixar cair o presente no chão "sem querer" de tanto que vc gostou.Aii sei q chega ser feio, mas não consigo msm.

21 de março de 2011 16:54
Taty Raed disse...

Ahaha gostei!!!

Não adianta dar murro em ponta de faca ou viver de aparências...

Tem tanta gente solteira e cheia de amor para dar, porque permanecer num relacionamento afundado???

Viva os corações livres!!!

Yupiiiii!!!

21 de março de 2011 16:59
Evelin disse...

Estou junto nessa campanha!!! \o

bjs


Evelin

21 de março de 2011 18:08
Razinha Arruda disse...

Eu concordo e a partir de agora, serei adepta dessa campanha!!!!!!!!!! Kkkkkkkkkkkkkkkkk!

Ah, adorei seu comentário lá no blog! Só de vc comentar já valeu! Obrigada, querida! :)

23 de março de 2011 14:44
Olívia disse...

Pq a gente sempre acha que quando é conosco é mto pior?

Ódio de mim as vezes, rs

>Olívia<

25 de março de 2011 16:05
Andrew disse...

Parece que pimenta nos olhos dos outros realmente é refresco.. jà imaginaram como é estar do outro lado da história?
Hoje foi a última vez que vi minha ex-namorada, pessoa que tanto amo e por quem faria qualquer coisa. Nunca deixei de demonstrar isso. Na noite de ontem ela me mostrou este post, e os comentários aqui postados lhe pareciam argumentos indestrutíveis.
Até ontem ela tinha dúvidas e estávamos decididos a tentar.
Como pessoas experientes em relacionamentos, vocês deveriam entender que, assim como os sentimentos se vão (e isso explica nossas separações e divórcios daqueles que já foram os amores de nossas vidas), eles também se fortalecem com o convívio e a intimidade. Há os que confundem isso com comodismo, mas minha esperança não era ficar com alguém "confortável" comigo e sim com alguém que se descobrisse verdadeiramente feliz ao meu lado.
Obrigado pela oportunidade de me expressar e desabafar. E sucesso ao blog!

26 de março de 2011 09:26